SIGA-ME NO GOOGLE+ BADGE

domingo, 1 de maio de 2011

PEREGRINO VESTIDO DE BRANCO








"PEREGRINO VESTIDO DE BRANCO", do título original Polonês "Szulalem Was" é um longa metragem sobre a vida e a mensagem deixada por João Paulo II. O filme mostra o lugar do pontífice na história da Igreja e no mundo, e como a sua extraoedinária personalidade, a naturalidade, a abertura e o humor uniram pessoas em todos os continentes - independentemente do status social, da idade, dos valores perseguidos, ou da religião professada.
Dirigido pelo diretor Polonês Jaroslaw Szmidt, é considerado uma das maiores produções da história dos documentários poloneses. Quase quatro anos de trabalho, 90 dias de filmagens, rodado em 13 países (Cidade do Vaticano, Itália, Israel, Malta, Polônia, México, Jordânia, Bolívia, Zâmbia, Botsuana, República dos Camarões, Turquia e Marrocos), em 120 localidades - muitas com acesso muito difícil, onde a câmera geralmente não consegue chegar.
O documentário contou com a participação de Bento XVI, que assistiu em primeira o longa dia 09 de março do corrente ano. Na exibição, o bispo de Roma sublinhou "os dois pilares" da vida e ministério do futuro beato: "a oração e o zelo missionário".
"Com seu exemplo, guiou-nos nesta peregrinação, e agora segue nos acompanhando do céu", afirmou Bento XVI, que recordou as palavras dirigidas na homilia do funeral de João Paulo II.
Naquele oito de abril de 2005, o cardeal Joseph Ratzinger disse: "Nenhum de nós poderá esquecer que no último domingo de Páscoa de sua vida, o Santo Padre, marcado pelo sofrimento, foi até a janela do Palácio Apostólico Vaticano e deu a bênção "Urbi et Orbi" pela última vez. Podemos estar seguros de que nosso amado Papa está agora na janela da casa do Pai, nos vê e abençoa. Sim, abençoe-nos Santo Padre".

Fonte: Gaudium Press, mais inf. s/ o documentário em www.jp2szukalemwas.pl/
Postar um comentário